Blog do Ricardo Couto» Blog Archive » Como agendar e reaver a taxa da inspeção veicular

Como agendar e reaver a taxa da inspeção veicular

 

Quem fez a inspeção veicular pode pedir a restituição da taxa cobrada, no valor de R$ 52,73. Para isso, basta solicitar o pagamento à Prefeitura, o que deve ocorrer até o dia 10 do mês seguinte ao licenciamento do carro. Os motoristas que tiverem débitos com o veículo, como multas, licenciamento e IPVA atrasados não terão direito ao reembolso.

O pedido de devolução da taxa de inspeção deve ser feito diretamente pelo site da Prefeitura  www.devolucaoinspecao.prefeitura.sp.gov.br . Lá, o motorista deve fornecer os dados de sua conta bancária para ter o valor depositado. Caso o proprietário do veículo não possua conta corrente, a restituição será feita por ordem de pagamento em um banco escolhido pela Prefeitura e o dinheiro poderá ser retirado em qualquer agência.

O agendamento da inspeção veicular é feito diretamente com a Controlar, www.controlar.com.br. Antes, a pessoa deve imprimir um boleto no site da empresa (ver acima) e pagar a taxa nos bancos conveniados (Bradesco, Itaú, ABN Real, Unibanco, Nossa Caixa, HSBC e Santander). Três dias após o pagamento, o motorista pode escolher a data da inspeção, pelo mesmo site ou pelo telefone (11) 3545-6868.

Atualmente, cinco locais de vistoria estão em funcionamento em São Paulo: no Jaguaré e na Barra Funda (na Zona Oeste), Anchieta (Zona Sul) e Parque São Jorge e São Miguel (Zona Leste). Dúvidas e outras informações podem ser solucionadas pelo e-mail inspecaoveicular@prefeitura.sp.gov.br.

ONDE AGENDAR E FAZER A INSPEÇÃO:
Zona Sul: Centro Anchieta - Rua Francisco Bautista, 163, (km 12 da Anchieta).
Zona Oeste: Centro Jaguaré - Av. Engenheiro Billings, 2.100.
Zona Oeste: Centro Barra Funda - Rua Gustav Willi Borghoff, 450.
Zona Leste: Centro Pq. São Jorge - Av. Condessa Elizabeth de Robiano, 1.822.
Zona Leste: Centro São Miguel - Rua Cembira, 422.
No site da Controlar, você encontra um mapa explicando como chegar aos locais.

20 comentários para “Como agendar e reaver a taxa da inspeção veicular”

  1. Marilia comentou:

    Gostaria de reclamar da péssima qualidade do agendamento da inspeção veicular obrigatória em Sao Paulo. É um absurdo que ainda em junho eu não consiga agendar um horário para fazer a inspeção na Zona Sul, pois não há vagas! Deveriam os responsáveis ter se organizado melhor, planejando para que não faltasse vagas na Zona Sul assim como nas demais areas. Pior ainda é que o site da Controlar e este aqui também divulgam a unidade da Zona Sul da mesma forma que divulga todas as outras, enganando o cidadão, que crê que conseguirá realizar o agendamento para tal unidade, só para no final, no momento do agendamente, descobrir que não há vagas.

    Deveria-se colocar nos sites, em letras bem visíveis, ao lado do nome da unidade Zona Sul, os dizeres NÃO HÁ VAGAS, deixando assim bem claro de antemão a situação para que todos possam ao menos se programar melhor ao
    invés de pensar que contarão com o agendamento na Zona Sul.

    Ou, melhor ainda, organizar essa situação, permitindo novas vagas para a unidade que faz inspeções na região da Zona Sul. Lembrando que ainda estamos em junho, há inspeções com prazo até dezembro e é inacreditável que já acabaram as vagas na unidade Zona Sul.

  2. ROSANA LUCIA VELOSO comentou:

    QUERO TAMBÉM RECLAMAR, POIS PAGUEI A TAXA DA INSPEÇÃO NO DIA 11/07/09 E HOJE É DIA 20/07/09 E NÃO LIBEROU A OPÇÃO PARA AGENDAR, PEDE PARA EU PAGAR COMO SE EU NÃO HOUVESSE PAGADO.
    QUERO QUE TOMEM PROVIDÊNCIAS, POIS LIGO NA CENTRAL E NAO CONSIGO FALAR….A QUEM RECORRO????

    Rosana, você pode enviar um e-mail direto para a Controlar, empresa responsável pela inspeção em São Paulo, pelo site http://www.controlar.com.br, acessando o link Contato. O telefone deles é o (11) 3545-6868. Ou então fazer uma queixa à Prefeitura, pelo site: http://www.prefeitura.sp.gov.br, no link Fale Com a Prefeitura ou pelo SAC, 156. Outra opção é a Secretaria do Verde e Meio Ambiente, pelo telefone (11) 3396-3000. Você pode encaminhar a sua queixa também para os jornais da Capital, por meio das seções Defesa ou Direito do Consumidor.

  3. Sergio Bassi comentou:

    Boa Tarde. A Prefeitura não devolve a taxa de veículos financiados pala Cia Itaúleasing de Arrendamento Mercantil. O CNPJ desta empresa tem pendências e o arrendatário fica no prejuízo. o CNPJ é 49.925.225/0001-48.

    Sabe o que fazer???

    Sérgio, te aconselho a pedir a devolução da taxa para a Itaú. Se a empresa não concordar em pagar, você pode entrar com uma queixa no Procon.

  4. SERGIO BASSI comentou:

    Ok. Obrigado pela resposta. O Itaú sugeriu que eu fosse até ao Detran ( Onde consta o dédito da Cia Itauleasing) para resolver suas pendências e receber a taxa de volta. Informação de uma funcionária muito mal informada ou treinada. Realmente procurarei os órgãos competentes. “Se é que existem”. Muito Grato. Gostei do seu blog.

  5. Viviane Servulo comentou:

    Bom dia. Solicitei o reembolso da inspeção veicular em 03/06/2009 e inclui no site os dados do proprietário da época - SAFRA LEASING SA ARRENDAMENTO MERCANTIL(tinhamos acabado de comprar o carro e precisavamos primeiro fazer a tal inspeção para depois conseguir atualizar o documento). Posteriormente alteramos os dados do documento do carro para o nome do meu marido e do banco BV Financeira.
    Não obtive o reembolso até agora pois venho recebendo notificações sobre pendências no CADIN do SAFRA LEASING (CNPJ 62.063.177/0001-94). Por favor, como devo proceder?

    Viviane, você pode fazer uma queixa à Prefeitura, pelo site: http://www.prefeitura.sp.gov.br, no link Fale Com a Prefeitura ou pelo SAC 156. Caso não obtenha uma solução, consulte o Procon pelo telefone 151 sobre como proceder.

  6. Viviane Servulo comentou:

    Ok, obrigada.

  7. Isolde Ewert comentou:

    Coisa de primeiro mundo.
    Paguei a taxa, agendei data para inspeção com a maior facilidade no local que escolhi.
    Fui atendida antes do horario marcado.
    So falta a devolução da taxa.
    Parabens!

  8. Paulo comentou:

    como faço para mudar o nome da agencia e como posso receber o dinheiro?
    agradeço!

    Entre em contato com a Prefeitura pelo e-mail inspecaoveicular@prefeitura.sp.gov.br.

  9. Paulo comentou:

    pois mandei ao banco errado
    Agradeço!

  10. Maurício comentou:

    Semana passada estive na Controlar da Av. Aricanduva (20/10/2009)
    Fui rejeitado na inspeção visual por “fumaça azul”.

    Achei uma má vontade do inspetor pois eu mesmo nem ví fumaça azul saindo do escapamento de meu veículo.

    O problema é que meu veículo tem troca de óleo lubrificante e de filtros rigorosa, e não baixa óleo lubrificante de forma anormal, aliás nunca baixou.

    Meu mecânico deu uma “geral” e não achou nada que pudesse confirmar a tal fumaça azul, inclusive checou a bomba que está regulada, bicos injetores, filtros (troquei tudo inclusive o filtro de ar há apenas 400km).
    E eu sempre abasteço com o diesel da BR, muito bom por sinal.

    Ainda na Controlar alegaram que ele falhou, só que foi por causa do corte de giro, pois realmente falhou um pouco apenas na hora que o inspetor pisou o pé até o o final do acelerador e foi até os 3500 rpm (corte).

    O que faço pois meu mecânico disse que o motor não tem nada a fazer, o consumo de óleo lubrificante é super normal, não há fumaça escura e não há sequer uma resposta da controlar.
    Os vistoriadores não são formados em mecânica e não dizem qual é o problema nem qual é a solução. Sei que muitos veículos poluem, mas só eu sei que meu veículo é bem cuidado e que sempre tomei as devidas precauções e fiz as manutenções para que não poluísse.

    O que fazer diante da falta de caráter desta empresa que só quer é lucrar, não tem no atendimento telefônico um setor técnico para nos dar as mínimas satisfações e barram um contribuinte numa inspeção visual mal feita por um vistoriador despreparado e mal-humorado.

    Remarquei a inspeção, vou novamente ao mecânico esta semana tentar verificar novamente os itens gerais mas apenas por desencargo de consciência. O Brasil é engraçado, força os contribuintes a usar o tal jeitinho brasileiro, só que eu no caso sou pagador de impostos e parece que as pessoas de bem acabam sendo as mais prejudicadas .

    O que faço ? Entro no Procon? Jogo meu veículo no Tietê para poluir o rio um pouco mais?

    Não tenho condições de trocar de veículo atualmente, e nem o quero fazer.

    Fica aqui meu apelo e também denúncia contra esta empresa CONTROLAR que agé de má fé, não tem em seu atendimento um setor técnico, os vistoriadores estão pouco se lixando para nossas indagações e a ouvidoria jamais responde.

    A prefeitura criou o MONOPÓLIO para esta controlar, se houvesse outras empresas e postos eu iria em 3 até ser bem atendido e ter certeza que estou com problemas, o que sei que não ocorre.

    Isso é serviço ?! Ou extorsão?

    Se houver alguma maneira de fazer outro laudo num instituto ou empresa, ou algum contribuinte que esteja entrando na justiça, por favor alguém me escreva, obrigado.

    Maurício - SP
    mauricera@ig.com.br

  11. RODRIGO comentou:

    Meu carro foi furtado antes de fazer a inspeção e chegou uma carta da prefeitura cobrando este serviço. O que devo fazer?

    Acho que você deve procurar a Prefeitura e a Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo, com cópias do Boletim de Ocorrência, para pedir a isenção da taxa (e obrigatoriedade) da inspeção veicular e do IPVA. Por lei, você tem direito a abatimento do IPVA pelo tempo em que ficou sem o carro. Se o carro não for encontrado, terá que dar baixa na documentação, que está em seu nome, para evitar cobrança de multas e impostos.

  12. Cláudia comentou:

    Apenas quero saber se realmente tem telefonistas receptivas. Preciso do CNPJ desta empresa para nosso cadastro e não encontro em nenhum local e ninguém atende a ligação.
    Absurdo e falta de respeito!!!

  13. Fernando comentou:

    Boa noite

    Agendei a revisao no local errado! era para eu estar agendado em um local mais proximo de casa, mas acabei clicando em um local bem distante.Tem como eu mudar o local?

    Fernando, ligue para o telefone (11) 3545-6868 da Controlar e explique o seu caso.

  14. MAITE comentou:

    SOLICITEI A DEVOLUCAO DO MEU DINHEIRO DA INSPEÇÃO VEICULAR 2010
    POREM APARECE A SEGUINTE FRASE
    Foram identificadas inconsistências nos dados informados pelo proprietário do veículo:
    Para o Exercicio de 2010 não haverá reembolso.
    Por favor, refaça o cadastro de seu Pedido de Devolução da taxa de Inspeção Veicular

    COMO PROCEDER AGORA … QUERO MEU DINHEIRO DE VOLTA!

    Pelas novas regras da Prefeitura de São Paulo, quem fizer a inspeção veicular em 2010, não tem mais direito à restituição da taxa.

  15. Ana Alice comentou:

    Eu fiz tudo certinho no ano de 2009. Após ter feito a vistoria, fiz o pedido da devolução da taxa, que paguei. Até então estava indo tudo bem. Dia 24 de Abril de 2010 recebi um e-mail da prefeitura informando número de Banco e agência onde eu escolhi receber. Constava no e-mail que eu prestasse atenção pois provavelmente receberia o valor pago na vistoria em 10 dias. Hoje já é 23/5/2010 e não recebi nada. O banco já procurou e confirmou que não “caiu” nenhum valor na minha conta.Tentei mandar um e-mail para a prefeitura, mas não sei o que acontece, pois não efetiva o envio. Podem me ajudar, mandando respostas ao meu e-mail? Obrigada!

  16. Rafael comentou:

    A empresa CONTROLAR que é responsável pela inspeção veicular ambiental na cidade de São Paulo, não cumpre com os procedimentos acordados pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA) e destacados nos folhetos por eles distribuídos à população de São Paulo.
    Um destes procedimentos é a Inspeção Visual, que prevê avaliar o estado dos itens de controle de emissão (mangueiras rasgadas, rachadas ou desconectadas, ausência de cânister, entre outros), para cada marca/modelo e ano do veículo. Caso o veículo não esteja em conformidade com um dos itens avaliados, será REPROVADO, mas mesmo assim DEVERÁ SER ENCAMINHADO PARA A INSPEÇÃO COMPUTADORIZADA, coisa que não acontece, o que é feito é rejeitar o veiculo e este se retira sem conhecer possíveis defeitos na emissão dos gases, dos quais só tomará conhecimento na próxima vistoria da qual será REPROVADO e obrigado a pagar uma nova vistoria. Perdendo a oportunidade de que, na trocar das borrachas rasgadas ter de corrigir uma possível irregularidade que até o momento se desconhecia.
    Sem mencionar que eles desconhecem ou pelo menos não informam que a emissão de gases varia muito com o tipo de combustível e com o aquecimento do carro.
    Para seu conhecimento um dos carros da empresa (Fiat UNO Mille Fire Flex - 2006) já passou por 4 inspeções e todas elas foi reprovado, sendo que o carro na primeira revisão já tinha realizado a manutenção preventiva que inclui troca de óleo, filtros etc. e após ser reprovado por ter uma borracha com um pequeno corte que passo desapercebido na manutenção, volto para a 2ª vistoria onde foi reprovado por uma diferença de 0,06 no COc (limite 0,30 – marcou 0,36), após isto foi realizada uma manutenção mais profunda na troca de velas e limpeza do sistema injetor, mesmo assim já que o carro é Flex foi trocado o combustível álcool pela gasolina para ter um melhor rendimento e mesmo assim os limites de COc e HCc ficaram maiores aos permitidos e inclusive aos medidos na mecânica, resumindo temos feito todo o que é necessário e temos comprovante disto, com a nota fiscal do mecânico e os relatórios do equipamento de medição utilizado que cumpre a mesma função dos utilizados pela CONTROLAR.
    O que posso dizer é que eu concordo com as vistorias veiculares, mas que devem ser adotadas medidas de maior comunicação e competitividade coisa não demonstrada pela CONTROLAR, ao não informar claramente as condições que influenciam ao veiculo a poluir mais, como é o carro frio e o combustível utilizado, sem mencionar que a reprovação gera um enorme negócio para eles.

    Rafael, acho que falta respeito ao consumidor por parte da Controlar. Os técnicos mal conversam com o cliente nem sequer dão orientação sobre o problema do veículo ou de como repará-lo. Acho que os motoristas da cidade de São Paulo deveriam acionar o Ministério Público ou abrir uma ação pública exigindo maior transparência da empresa e obrigando-a a dar informações sobre a execução da inspeção e seus resultados. Do modo em que vem atuando, a Controlar discrimina os veículos mais velhos, não lhes dando outra alternativa senão a clandestinidade e agravando a poluição do meio ambiente.

  17. Douglas comentou:

    Ano passado paguei a taxa de inspeção, porém por motivos de saúde não pude realiza-la. Fiz a inspeção na semana passada e gostaria de saber se teria como obter a restituição do dinheiro?

    Douglas, pelas novas regras da Prefeitura de São Paulo, quem fizer a inspeção veicular em 2010 não tem mais direito a restituição do valor pago. Como a sua se refere a 2009 e foi paga no ano passado, você tem direito a pedir a devolução. Encaminhe seu pedido à Prefeitura, pelo site https://www3.prefeitura.sp.gov.br/devolucao. Caso não obtenha uma solução, consulte o Serviço de Atendimento da Prefeitura pelo telefone 156 ou Procon pelo telefone 151 para saber como proceder.

  18. WILLIAM MULLER FILHO comentou:

    Gostaria de saber se os donos de veiculos automotores podem entrar no Ministerio Publico contra essa cobrança da taxa de inspeção da controlar,ou abaixar esta taxa,ou fazer um abaixo assinado,como devemos proceder. grato
    ANTES DEVOLVIA E AGORA NÃO,É MUITA MÃO NO BOLSO DO CIDADÃO. IPVA (PEDAGIO CARISSIMO) ZONA AZUL E OUTROS.

  19. Monica Bueno comentou:

    Gostaria de saber por que nenhum político fala nada sobre isso? Porque sei que esta taxa que esta Controlar cobra é ilegal. Porque ninguem fala nada?

  20. Roberto comentou:

    Onde vão colocar o dinheiro que a Prefeitura resolveu NÃO devolver mais este ano da taxa de inspeção veicular para os carros de SP e tambem porque começou com os carros novos? não são os velhos que poluem mais? por que o DPVAT, que antes era uma taxa, hoje já esta em mais de R$ 90.
    Que tal fazer uma conta rapida desse imposto que ´virou` a taxa de inspeção veicular “obrigatoria”?
    Fui licenciar o veiculo e me surpreendi: antes o IPVA diminuia, pois o carro deprecia anualmente, agora eles aumentam…

Deixe uma resposta

You must be logged in to post a comment.